Residência artística vídeo-dança POTI PATI / St. Etiénne / 19 a 26 de Maio



Ana Rita Barata e Pedro Sena Nunes desenvolvem uma residência de 1 semana para criação de um novo vídeo-dança, POTI PATI (título provisório) em parceria com a Studiotrade* e Stéla, no âmbito do Festival Des Arts // Des Cinés, em St. Etienne, na Bâtiment des Forces Motrices, antiga fábrica de armas de assinalável importância histórica e interesse arquitectónico, reconvertida em 2009.

Este é o regresso após uma primeira abordagem à criação em período homólogo do ano passado, num processo de criação com a comunidade que se estenderá até 2014.
POTI PATI é um trabalho de pesquisa de corpo e coreografia para câmara associado às Minas de Carvão de St. Etienne, zona industrial fundamental no período da II GM. Reinterpretação de um espaço pleno de fantasmas na memória da cidade e exploração do carvão como matéria plástica e humana, pela carga simbólica que comporta. A narrativa será sustentada pela história oral em posse da Associação Local dos Amigos da Mina; a composição coreográfica fundada nos objectos de trabalho no subsolo e movimentos implicados no seu uso e a banda sonora trabalhada em residência com músicos locais.

Os directores artísticos da Vo’Arte vão ainda oferecer
formação em dança inclusiva. Integrando pessoas com deficiência, bailarinos e performers locais, o objectivo é descobrir uma linguagem de movimento comum aos participantes; manipulação consciente e integrada dos corpos; percepção e integração das potencialidades de cada um. A metodologia parte de técnicas da dança contemporânea e contacto-improvisação que trabalham a cooperação, interdependência e a criatividade. Prevê-se uma apresentação final in-situ.

* Studiotrade é uma rede internacional de coreógrafos, produtores e organizações de dança que permitem um intercâmbio internacional de estúdios para pesquisa, criação e introdução de novos mercados e contextos para profissionais das artes performativas. Fazem parte desta rede a Voarte e Stéla.

Sem comentários: