Cartaz

3 comentários:

Kasovitz disse...

Até que enfim que tens o teu espaço na net, agora toca a encher-lo de imagens boas.
Fica bem

SC disse...

olás Pedro, bem vindo a blogesfera.

Rodrigo Leal Nunes disse...

Pois é, algumas poucas pessoas, ou algumas tantas pessoas, têm o prazer de conhecer e experimentar um pouco Pedro Sena Nunes, e eu, Rodrigo Nunes (só pra registar também o meu apelido), sou uma dessas abençoadas almas vampíricas, que o conhece, e pode sugar muito da seu sangue criativo. Ele magicamente transforma o feio em belo, o inerte em dançarino e o cego...aahh, o cego ele ensina a ver, mas com um olhar muito direccionado, para não perdermos a excência da vida. Obrigado Pedro Sena Nunes, e espero que me permita saciar a minha sede artística sugando seu sangue de poeta, cineasta, criativo, mas mais que tudo isso, de pessoa. Obrigado.