MASTERCLASS DOCUMENTÁRIO com Pedro Sena Nunes

Algarve Film Commission | Cacela Velha (Vila Real-Faro)

Centro de Investigação e Informação do Património de Cacela

17 Fevereiro das 14h30 às 18h


Participação gratuita mediante inscrição













Enquanto os documentários nos mostram imagem de um mundo que existe fora dessas imagens, a ficção constrói um mundo para o qual nos transporta. O que impede o documentário de ser uma ficção é a recepção. Manuela Penafria
 
Pedro Sena Nunes realiza documentário desde 1995, ano em que dá início ao projecto Microcosmos com o filme Margens (6 vezes premiado). Desenvolve uma relação muito particular entre facto e cinema, fruto de um rigor no registo permitido pela imersão no real e por princípios muito claros do que entende como técnica e estética cinematográfica documental. Se colocada a questão sobre o que é o Documentário, provavelmente, a primeira ideia que surge, e que o diferencia de outro género cinematográfico, é o facto destas imagens serem vizinhas do real e do espontâneo. O documentário é sem paralelo a interpretação criativa de uma realidade e investe no registo de aspectos relevantes da nossa existência, geralmente não-actores, cuja observação seja importante. O documentário é um processo criativo com propósitos que apelam à lógica e às emoções. A ideia é documentar a vida.

A Masterclass insere-se no âmbito do projecto DOCUMENTAR, promovido pela FILM COMMISSION com apoio do PRODER (GAL Interior Algarve Central e GAL Terras do Baixo Guadiana).

Inscrições gratuitas aqui

Links:


FRAGILE
Workshop Dança / Movimento para Cegos, Bailarinos e Técnicos
Projecto europeu de dança inclusiva que visa a integração de pessoas cegas e com baixa visão nas artes performativas
Orientado pela coreógrafa norueguesa Kjersti Engebrigtsen

Inscrições Abertas
Participação gratuita mediante inscrição de utentes de Associações ou Organizações de deficiência visual 
Restantes participantes: 20€
12 a 16 de Março (5 dias)
Horários > 10h às 12h30 ou 14h às 16h30 ou 17h30 às 19h30
(cada turno = 20 vagas, metade deficientes visuais)
Local >
10h às 12h30 e 14h às 16h30 / Estúdios da Companhia Nacional de Bailado*
17h30 às 19h30 / Espaço a confirmar, central, acessível e próximo de transportes públicos
No âmbito do projecto Europeu FRAGILE, decorrerá entre 12 e 16 de Março um workshop orientado pela coreógrafa norueguesa Kjersti Engebrigtsen incluindo pessoas com deficiência visual, técnicos e profissionais das artes performativas. Kjersti desenvolve desde 1987 uma metodologia pessoal de trabalho com cegos e pessoas com baixa visão, no que entende ser um processo progressivo de libertação pelo conhecimento do corpo, a partir do estudo prático desenvolvido no seu mestrado e da longa experiência de prática educativa com crianças cegas, bem como da criação de espectáculos de dança inclusiva, prática pioneira na Noruega.

Segue em anexo documento descritivo do workshop e metodologia a seguir, bem como ficha de inscrição.
Prazo máximo de inscrição: dia 5 de Março (2ª feira).
Considera-se válida a inscrição apenas após devolução da ficha devidamente preenchida e pagamento (quando aplicável) para: info@voarte.com

FRAGILE une a experiência de coreógrafos provenientes da Noruega, Estónia e Portugal, que vão em conjunto procurar encontrar novos métodos de trabalho nesta área durante um período de dois anos. Entre 2011 e 2013 decorrerão workshops nos três países, orientados pelos três coreógrafos, visando a difusão dos fins terapêuticos da dança para cegos e possibilidade da sua habilitação profissional no âmbito artístico. A partir da participação nos workshops, serão seleccionados intérpretes cegos e profissionais em cada país, para colaborar num espectáculo final apresentado em Abril de 2013 em Portugal, com posterior circulação pelos 2 países parceiros ao longo do ano. FRAGILE inclui também a realização de seminários em torno da inclusão pela arte no caso específico da deficiência visual e a produção de três documentários que registam o processo. Pedro Sena Nunes será o realizador português.

* Estúdios da Companhia Nacional de Bailado
Rua Vítor Cordon, nº 20, Lisboa (Chiado) > próximo do Museu Nacional de Arte Contemporânea e   
do Teatro Nacional São Carlos

Transportes:
Metro Baixa-Chiado (linha azul/verde) > 5 minutos a pé, uma rua
Eléctrico 28 (Campo de Ourique – Martim Moniz) > à porta

Contactos (informações, inscrições):
Associação Vo’Arte
Tel: 213932410 | Tlm: 914040471
E-mail: info@voarte.com (Clara Antunes)

Links:
O NADA, NOVA CRIAÇÃO DA CiM, ESTREIA AMANHÃ
GUIdance / 8 de Fevereiro, Centro Cultural Vila Flor, 22h
Quase esgotado!


Uma co-produção Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura
Direcção Artística Ana Rita Bara e Pedro Sena Nunes
+ sobre o GUIdance - Festival Internacional de Dança Contemporânea

EXTENSÕES INSHADOW
Entrada Livre   
Performas – Estúdio de Artes Performativas (Aveiro)
8 de Fevereiro às 22h
Extensão InShadow 2010 – Selecção Vo’Arte (vídeo-dança)

Primavera – Intervenções Artísticas em Espaço Devoluto (Torres Vedras)
8 a 12 de Fevereiro em permanência (loop)
Extensão InShadow 2011 – Premiados e Menções Honrosas (vídeo-dança, vídeo-arte e documentário)

 
                               

A Vo’Arte promove Extensões InShadow, que permitem estender a sombra do Festival Internacional de Vídeo, Performance e Tecnologias e projectar os filmes premiados e destacados noutros espaços e para outros públicos. InShadow é um festival dinâmico e envolvente que destaca a importância da interdisciplinaridade na criação contemporânea. O Festival é já uma referência internacional no cruzamento das áreas dedicadas ao binómio corpo-tecnologia, com destaque para a representação do corpo no ecrã, no palco e noutros espaços, explorando relações técnicas e estéticas com tendência experimental. 

O Performas repõe, no âmbito da sua programação regular, a selecção Vo’Arte, um conjunto de 10 curtas-metragens de 6 países no género vídeo-dança focadas na relação coreográfica com a câmara, eleitas pela direcção artística do Festival – coreógrafa Ana Rita Barata e realizador Pedro Sena Nunes. 

Primavera é a segunda edição do evento organizado pela ESTUFA - Plataforma Cultural que ocupa durante 5 dias o antigo espaço comercial da Casa Primavera no centro de Torres Vedras, com uma programação intensa de poesia, concertos, tertúlias, oficinas, pintura, escultura, fotografia, vídeo, cinema, teatro e performances. InShadow marca presença com a exibição dos Premiados e Menções Honrosas da sua 3ª edição, filmes com prémios atribuídos pelo júri oficial composto por personalidades de renome como Rui Horta, Judy Gladstone (Bravo!FACT, Canadá) e Marion Poeth (Cinedans, Holanda). 

Um especial agradecimento a todos os realizadores e equipas que autorizam a difusão destes vídeos.
O NADA NO CANAL 180


Destaque ao GUIdace - Festival Internacional de Dança Contemporânea, no âmbito do qual estreará já depois de amanhã O Nada, nova criação da CiM - Companhia Integrada Multidisciplinar.
Ver AQUI a peça.

Autoria: Canal 180, o primeiro canal dedicado às artes e à criatividade em Portugal.