CiM ESTREIA NOVA CRIAÇÃO O NADA 
EM GUIMARÃES
GUIdance - Festival Internacional de Dança Contemporânea
8 de Fevereiro às 22h no Centro Cultural Vila Flor


O Nada é uma co-produção Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura

[nada mais entre o chão e o céu...]

Espectáculo moldado na ideia de se comunicar este tempo do mundo, através de uma narrativa fragmentada e poética que tem como ponto de partida "pequenos nadas" que nos projectam num percurso caracterizado pelo encontro de sonhos e desejos. Concretizado em movimento, palavra, imagem e música, conjuga um corpo colectivo numa paisagem suspensa e livre. O Nada é uma de fusão de autorias vivido na amplitude máxima de cada contributo.

O Nada, com direcção artística da coreógrafa Ana Rita Barata e do realizador Pedro Sena Nunes encerra a trilogia que assume como tema estruturante de ligação o TEMPO, iniciada com O Aqui (Teatro Camões, 16 de Abril 2009) e adensada por O Depois (São Luiz Teatro Municipal, 17 de Dezembro de 2010).

O Nada reflecte cinco anos de trabalho com os intérpretes da CiM. O Nada é uma investigação sobre as questões de tempo-espaço e movimento-corpo. Pesquisam-se as relações de fascínio e descoberta entre pessoas. Os intérpretes estão física e emocionalmente focados na claridade da construção da memória. Procuramos uma brancura com forte valor figurativo.

O espaço cénico está povoado de elementos alusivos à ausência de materialidade. Podemos construir O Nada a partir de “paredes” que não existem, grandiosas e frágeis. Exploramos a poética do ar, do vento, do imaterial. Queremos deixar que os espaços tomem o lugar das acções e das palavras.

Direcção Artística | Ana Rita Barata e Pedro Sena Nunes
Coreografia | Pedro Sena Nunes
Vídeo | Pedro Sena Nunes
Desenhos e Textos | João Ribeiro
Bailarinos e Intérpretes | Alena Dittrichová, António Cabrita, Adelaide Oliveira, Jorge Granadas, Maria João Pereira and Rosinda Costa
Desenho de Luz | João Cachulo
Desenho Cénico | Wilson Galvão
Co-Produção | Vo’Arte, APCL – Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa, Fundação Cidade de Guimarães, Centro Cultural Vila Flor, CRPCCG – Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral Calouste Gulbenkian – ISS.IP, Silke Z./Resistdance

A CiM – Companhia Integrada Multidisciplinar é uma companhia de dança contemporânea com um projeto inovador que une intérpretes, bailarinos e actores com e sem necessidades especiais, promovendo uma abordagem pioneira da criação artística face à inclusão, através da dança, imagem e som.