EXTENSÃO XI ENCONTROS DE VIANA //
GOETHE-INSTITUT 
REVISÃO DIA 29 JUN

O primeiro dia da extensão dos XI Encontros de Viana - Cinema e Vídeo decorreu com tranquilidade no simpático jardim do Goethe-Institut. O filme projectado visível nas fotografias, "Between Walls", de Ana-Felicia Scutelnicu, retrata em ficção a situação de trabalhadores Moldavos ilegais em Berlim. 
Um agradecimento especial à dffb pela disponibilização das 9 magníficas curtas-metragens, uma vez mais amplamente reconhecidas pelo público. 

Hoje há mais, com projecção dos 3 filmes premiados com o PrimeirOlhar, que promove o documentarismo pela atribuição de distinções a filmes realizados por alunos de escolas de cinema, avaliados por júris qualificados. 

Goethe-Institut, Campo dos Mártires da Pátria - Lisboa / 19h
ENTRADA LIVRE, apareçam!
XI ENCONTROS DE VIANA // EXTENSÃO GOETHE
Dias 29 e 30 de Junho + 1 de Julho / 19h
ver programa AQUI

29 DE JUNHO
ESCOLA CONVIDADA / DFFB German Film and Television Academy

A German Film and Television Academy Berlin (dffb) é uma escola para formação de profissionais criativos para o cinema e televisão. Fundada em 1966, é hoje uma das mais reconhecidas instituições nestas áreas de formação. Muitos dos seus diplomados ao longo dos últimos 44 anos deixaram a sua marca no mundo do cinema e da televisão na Alemanha, na Europa e além fronteiras.

 
                    The Girl with the Yellow Stockings de  Grzegorz Muskala

Filmes apresentados
Mistress de IJ. Biermann / Alemanha, 2009, ficção, 5’
Cocoon de Till Kleinert  / Alemanha, 2009, ficção, 7'
First Frost de Maria-Anna Rimpfl / Alemanha, 2009, ficção, 6'
Red de Joanna Ashton-Jones / Alemanha, 2007, ficção, 4'
In Tirana de Roberto Anjari-Rossi / Alemanha, 2007, ficção, 6'
Between Walls de Ana-Felicia Scutelnicu / Moldávia/Inglaterra, 2007, ficção, 15’
The Girl with the Yellow Stockings de Grzegorz Muskala / Alemanha, 2009, ficção, 12’
The Tear de Biene Pilavci / Alemanha, 2009, ficção, 9’
Sparrows de Jan Speckenbach / Alemanha, 2008, ficção, 6’

30 DE JUNHO
FILMES PREMIADOS PRIMEIROLHAR
O Prémio PrimeirOlhar foi criado com o objectivo de promover o documentarismo.
Podem concorrer documentários realizados por alunos das escolas de cinema, de audiovisuais ou cursos na área da Comunicação, e a participantes em cursos de documentarismo promovidos por outras entidades, de Portugal e da Galiza.

                                                                                           Viagem até Casa de Bárbara Veiga
A Banana do Pico de Luís Bicudo / Portugal, 2010, documentário, 27’
Prémio Júri Oficial PrimeirOlhar
Prémio Júri IBERTELCO PrimeirOlhar
Prémio Júri IPJ PrimeirOlhar

Viagem até Casa de Bárbara Veiga / Portugal, 2010, documentário, 34’
Prémio Júri PrimeirOlhar Cineclubes


Píton de André Guimoar / Portugal, 2010, documentário, 19’
Menção Honrosa Júri PrimeirOlhar cineclubes


1 DE JULHO
HOMENAGEM AOS REALIZADORES HARUN FAROCKI E WIM WENDERS
Lições de Escuridão de Harun Farocki / Kuwait, 1992, Doc, 55’
Tokio-Ga de Win Wenders / Japão, 1985, Doc, 92’

LOCALIZAÇÃO
Goethe-Institut
Campo dos Mártires da Pátria, 37 Lisboa
DOCUMENTÁRIO FRAGMENTOS // CINE-CLUBE DO BARREIRO
18 de Junho / 15h / Auditório da Biblioteca Municipal do Barreiro
Entrada Livre


Fragmentos, documentário resultante de um projecto cinematográfico coordenado em 2009 nos ateliers de vídeo do Cine Clube do Barreiro por Pedro Sena Nunes, será novamente apresentado, no âmbito do lançamento público do Guia Documental do Arquivo do Cine Clube do Barreiro.
Neste projecto, os criadores foram convidados a explorar e interpretar o Barreiro actual numa forte base experimental, utilizando registos e relações espaciais e sociais. Da autoria de Cláudio Ferreira, Filipa Menezes, Heitor Fonseca, Isabel Teixeira e Luís Luz e apresentado pela primeira vez na Mostra Atelier de Vídeo 09, o projecto explora sensivelmente o universo audiovisual numa perspectiuva de desafio e estímulo da sua progressão tecnológica, cada vez mais dependente do digital.

O evento, a decorrer no próximo sábado, contará ainda com uma reflexão sobre a actualidade do Cineclubismo, por João Paulo Macedo (Federação Internacional de Cineclubes) e com um concerto de jazz do trio de Jorge Moniz (bateria), com Júlio Resende (piano) e João Custódio (contrabaixo).

Apareçam!
XI ENCONTROS DE VIANA // EXTENSÃO GOETHE
29 de Junho a 1 de Julho / 19h / Goethe Institut



Numa co-produção Associação Ao Norte/Associação Vo’Arte, os XI Encontros de Viana têm como principais objectivos a formação de públicos, o estabelecimento de plataformas para a estreia e divulgação de filmes e a promoção do diálogo entre realizadores consagrados, jovens criadores e jovens em fase de formação. O destaque é dado ao género documental, explícito nos filmes premiados com o PrimeirOlhar, realizados por alunos de escolas de cinema e audiovisuais e apresentados também em Lisboa.

O país convidado nesta edição é a Alemanha, e, neste sentido, o programa apresentado no Goethe Institut incluirá apresentação dos melhores filmes dos últimos 12 anos da Escola de Cinema de Berlim, e uma homenagem especial aos realizadores alemães Werner Herzog, Harun Farocki e Wim Wenders pelo seu contributo criativo ao cinema.

Localização
Goethe Institut
Campo dos Mártires da Pátria, 37
1169 – 016 Lisboa

Mais informações sobre a programação em breve.
MASTERCLASS DOCUMENTÁRIO // ALGARVE FILM COMISSION
11 de Junho / 15h00 / Junta de Freguesia de Estói
Participação gratuita sujeita a pré-inscrição



Pedro Sena Nunes volta a partilhar a sua visão sobre o documentário, pelo convite da Film Comission, enquadrado no projecto DOCUMENTAR, a leccionar uma Masterclass na Junta de Freguesia de Estói, Faro.
Organizado pela Argarve Film Commission com o apoio da PRODER, o projecto DOCUMENTAR prevê um conjunto de actividades no Gal Interior Algarve Central e Gal Terras do Baixo Guadiana. 

Pedro realiza documentários desde 1993 (Materialidade Teatral, 12'), contando no seu currículo com mais de 15 produções nesta área, à qual se dedica particularmente. Destas fazem parte o projecto Microcosmos, projecto de uma vida que procura um retrato das diversas províncias de Portugal, cujo 7º filme está hoje em processo de criação.

Sobre o Documentário - referências
O termo documentário é geralmente usado para designar um filme com carácter de documento. Usado assim como adjectivo, o termo qualificaria todo o filme que, de modo verdadeiro, autêntico e com indiscutível evidência, desse a conhecer um qualquer aspecto do passado. Desse modo o filme documentário pertenceria ao vastíssimo conjunto dos documentos estudados pela ciência histórica denominada Diplomática. Esta ciência define o documento como sendo um vestígio do passado a partir do qual o historiador constrói o facto histórico.
A ficção é entendida como o resultado da criação imaginária do autor de um filme, como o resultado da expressão da sua imaginação. Enquanto os documentários nos mostram imagem de um mundo que existe fora dessas imagens, a ficção constrói um mundo para o qual nos transporta.

Excertos de O Filme Documentário - História, Identidade, Tecnologia Manuel Penafria

Localização
Junta de Freguesia de Estói
Largo Ossónoba, 71
Email: geral@jf-estoi.pt
Tel: 28 999 16 20 / 28 999 79 80


DOCUMENTÁRIO DA PELE À PEDRA
Biblioteca Arquitecto Cosmelli Sant'Anna / 8 Junho / 19h
Entrada livre  



Última oportunidade de ver a exposição e o documentário Da Pele à Pedra.

“O pó continua lá, só não há seres vivos. Foram vinte dias em dois anos, e não se viu um rato, ou outro ser vivo, apenas uma ou outra vez um Pardal se aventurou naquele inferno. (...) O veneno andava no ar, árvores, plantas, aqui à volta tudo morria. Às mulheres morriam os filhos no ventre, os homens cuspiam sangue, até o engenheiro inglês morreu.”

Localização
Biblioteca Arquitecto Cosmelli Sant’Anna
Junta de Freguesia de São Mamede
Largo de S. Mamede, nº 7 – Lisboa